Da Paraíba, um cordel de Marilena Moraes

Animada pelos ares paraibanos, Marilena Moraes produziu esse delicioso “cordel”.

Voo 1793 – João Pessoa – Rio
Marilena Moraes

Estilingando com Maria Valéria Rezende. João Pessoa, agosto de 2010.

Maria Valéria convidou
O grupo estilingues vibrou
Se mandou pra João Pessoa
(que terra de gente boa)
Trocar experiências no evento
Com cheiro de sol, de mar, de vento
A festa é AGOSTO DAS LETRAS
É literatura na veia, êta
Fomos lá contar nossa história
Explicar que vagos amores
Podem unir sete escritores
Muita gente discutiu
Se o computador separou ou uniu
Se poesia também se tecla
Ou se o mouse espanta o poeta
Não se vire o rosto ao novo
Internet é do gosto do povo
Trocamos prosas e livros
Descobrimos mil motivos
Pra no Nordeste lançar
A ciranda dos sete amigos
Que querem seu texto espalhar
E ensinar a estilingar
Anúncios

1 comentário

Arquivado em Poemas

Uma resposta para “Da Paraíba, um cordel de Marilena Moraes

  1. Gente, a Marilena pegou mesmo um virus de nordestinidade por aqui! Delísia! Será que isso é anúncio de que ela volta logo a João Pessoa? Aqui achamos ótima a presença do grupo Estilingues, mas achamos pouco pra gente poder aproveitar até o osso!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s